Notícias



Vereadores comprovam esgoto jogado direto no rio

Visualize fotos

O vereador Alexandro Souza Vieira (Alexandro do Iporanga-PSC), denunciou que parte do esgoto está sendo despejado diretamente no córrego Santa Gertrudes e, durante a 20ª sessão ordinária, realizada dia 11 de setembro, apresentou as provas em fotos e vídeo.

Alexandro, Willian Bento (PTB) e Levy Xavier Ferraz (PRB) foram até o local fiscalizar denúncia. “O vídeo mostra o esgoto a céu aberto e estamos tomando as providências cabíveis, já que comunicamos a BRK e a empresa respondeu que já tinha tomado providências, estou mostrando que não fez!”, afirmou Alexandro. Em julho, o esgoto jogado no córrego causou a morte de peixes e, após oficiar comunicar sobre o ocorrido, a Câmara recebeu resposta que a culpa é da população que joga objetos na rede de esgoto, causando danos. “Vamos lembrar à empresa que a população paga o tratamento de 100% do esgoto”, retrucou o Vereador.

Levy foi além, como engenheiro, afirmou que “não é difícil solucionar este problema”, prometendo: “não vamos deixar acontecer isso de novo e ainda vou cobrar testes na água do rio”. Isaias Lino do Couto (PSC), disse que a Agência Reguladora deve ser informada da ocorrência, além dos demais órgãos fiscalizadores e da Polícia Ambiental que estão cientes dos fatos. Sempre incisivo, Reginaldo Pereira da Silva (Totó-PSC), comentou, “só muda o nome da empresa, os problemas continuam os mesmos, se não está tratando o esgoto não pode cobrar pelo serviço”.

Este não foi o único fato grave apresentado, o DER enviou ofício, comunicando que irá propor a rescisão dos convênios para pavimentação da estrada vicinal que liga Santa Gertrudes com Rio Claro até a Fazenda Itaúna, e da ligação da “Constante Peruchi” ao Complexo Argileiro da Fazenda Goiapá, por motivo de falta de licitação. O presidente da Câmara, Marcelo Ferreira (Dr. Marcelo-PSD), contestou: “este motivo não confere, está tudo em andamento, uma comissão foi formada para acompanhar os trabalhos, a obra está licitada, temos até o valor, cerca de R$ 7 milhões”. Em ofício, o prefeito Rogério Pascon informou que o fato “nos pegou de surpresa, pois demos o andamento em todos os passos orientados pelo Governo Estadual; iremos responder ao órgão”.

Reportagem veiculada por emissora de TV em rede nacional, mostrando a poluição em Santa Gertrudes, foi outro assunto amplamente discutido. José Luis Vieira (Ratinho-MDB), relatou que há anos a Câmara cobra ações para minimizar a poluição por partículas na atmosfera e apontou o projeto “Cinturão Verde” como uma das medidas que deveriam ter sido implantadas, mas só agora a Câmara conseguiu parceria que tornará o projeto realidade. “Precisamos agir, algumas medidas têm que se tomadas, não podemos mais permitir que nossa cidade seja prejudicada”. Antonio Carlos Candido (Gordinho-PTB), afirmou que a indústria cerâmica é sempre apontada quando se fala em poluição, “mas não se pode esquecer que a usina também polui, temos que cobrar deles, precisam ajudar na recuperação”.

“Mais uma vez destaque nacional de forma negativa, por poluição”, disse Alexandro, apontando que o legislativo está trabalhando: “nós estamos fazendo nossa parte, criamos projetos, aprovamos os códigos ambiental e de posturas, procuramos parcerias para implantar o Cinturão Verde, projeto maravilhoso, na gaveta desde 2003; agora tem que sair do papel, a cidade esta na UTI”, concluindo que o cancelamento do convênio para asfaltar as estradas vem prejudicar ainda mais a vida de quem mora na Cidade. Dr. Marcelo opinou que as plantações de bambu são eficientes para bloquear a poeira, “uma medida barata e rápida para fechar os espaços e impedir que a poeira se alastre”.

Durante a sessão foram aprovados o projeto de lei 41, que cria a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (em segunda votação); e os requerimentos, ambos de Totó, solicitando informações a “respeito do aparelho oftalmológico que será instalado na UBS do Jequitibás, mas ainda não está em funcionamento”, relatando que existe uma fila de mais de 600 pacientes a espera de consulta; e o porquê o raio X digital não está em funcionamento no Hospital, “uma vez que o dinheiro da emenda parlamentar para a compra do equipamento está nos cofres da Prefeitura desde 27 de outubro de 2017, e que o raio X em uso é antigo e constantemente está quebrado”.

Com a presença de membros da diretoria dos Correios, foi aprovada por unanimidade, Moção de Apoio aos funcionários dos Correios & Telégrafos. Dr. Marcelo aproveitou e convidou os funcionários da autarquia para elaborarem sugestões de medidas a serem adotadas pelo Município, a fim de solucionar as reclamações de moradores de alguns bairros que não recebem correspondências.

Entre as indicações apresentadas, Aécio Bisesto (Paraná-PTB), pede a construção de calçadão na Avenida João Vitte e pintura no pontilhão “Antonio Scatolin/Alcides Milani”, e colocação de placas indicativas nos viadutos “Norvalho Lahr” (na SGT 153) e “Abílio Seneme” (na Avenida Ricardo Pagnhoca).

Isaias e Levy sugerem atividades voltadas à divulgação e conscientização da campanha de valorização da vida e prevenção ao suicídio “Setembro Amarelo”. Totó quer a compra de viaturas para a Guarda Civil, “visando a paralização imediata do aluguel pago, sugerindo que a Câmara antecipe a devolução do duodécimo para tal fim”.

Alexandro do Iporanga solicitou reforma nos banheiros do Estádio Municipal “Alfredo Carandina” e a criação de um distrito industrial, como forma de incentivar e planejar o desenvolvimento do parque industrial local.

Na tribuna, Ratinho reivindicou a construção de passarela no “posto pontilhão”, ao lado da Rua Orlando Pereira, onde ocorrem vários acidentes. Também solicitou a manutenção das praças e a implantação do projeto “Praças de Alimentação”; fiscalização para inibir o som alto; retirada dos veículos abandonados nas ruas; recapeamento asfáltico; reforma do campo de bocha; limpeza das ruas e bocas de lobo antes do período de chuvas; e não deixou de pedir melhorias no Santa Catarina.

Totó cobrou o termino da reforma na Escola Antonio Filier, afirmando que os alunos estão reclamando que o prédio não foi pintado totalmente e o toldo está danificado; relatou que algumas pessoas estão perguntando se ele é contra a gratificação aos funcionários públicos, porque votou contra o projeto, e explicou: “quero deixar claro que sou a favor para que todos recebam o aumento, e não só meia dúzia”; e voltou a apontar a necessidade de convênio com clínica para tratamento de dependentes químicos: “a maioria das famílias não tem condições de pagar pelo tratamento, e também precisamos oferecer oportunidades de trabalho para depois da reabilitação”.

Levy concluiu os trabalhos na tribuna. “Estou feliz com a sessão de hoje, discutimos assuntos relevantes que demostram o empenho dos vereadores, fiscalizando para garantir os direitos da população”. Dr. Marcelo concordou: “estamos discutido problemas, apontando soluções, cobrando melhorias e não fazendo política”. (Assista a sessão na íntegra)

A próxima sessão ordinária será dia 18 de setembro. As sessões acontecem no Plenário “Íria Hansen”, na sede da Câmara, localizada na Rua São Pedro, 400, Jardim Luciana, e são abertas à população. Os trabalhos são transmitidos ao vivo pela TV Claret - canal 45, e pela Rádio Excelsior Jovem Pan News 1410,0 AM, das 19 às 20h30.

Silvia Araujo – MTB. 16.659

Assessoria de Imprensa               

Câmara de Vereadores de Santa Gertrudes




Publicado em: 13 de setembro de 2018

Publicado por: Silvia Araujo

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Fique por dentro

Outras Notícias

Estrada: Câmara dá prazo para asfaltar e vai ao MP

23 de maio de 2019

O presidente da Câmara, Antonio Carlos Candido (Gordinho-PTB), deu prazo de 30 dias para que as autoridades competentes tomem atitude de asfaltar a Estrada “José Horácio Pascon” e, se neste período...

Leia Mais

Câmara doa cadeiras para Unidade de Saúde

16 de maio de 2019

Deu entrada durante a 11ª sessão ordinária, o Projeto de Resolução 3/2019, da Mesa Diretora, solicitando autorização dos vereadores para desincorporar bens patrimoniais: 12 cadeiras tipo diretor, c...

Leia Mais

Faltas não justificadas serão descontadas

09 de maio de 2019

Vereador que faltar às sessões terá descontado 1/30 avos do subsídio. O Projeto de Resolução 02, da Mesa Diretora da Câmara de Santa Gertrudes, que determina o desconto do vereador que faltar às se...

Leia Mais

Sicred local visita sede do legislativo

09 de maio de 2019

Equipe do Sicredi Santa Gertrudes esteve visitando a Câmara no dia 7 de maio, apresentando seu trabalho e disponibilizando serviços aos vereadores e funcionários. A Agência local será inaugurada no...

Leia Mais

Recomposição salarial é aprovada em extraordinária

26 de abril de 2019

Em sessão extraordinária, realizada na noite de quinta-feira (dia 25 de abril), foram aprovados, em votação única, por unanimidade dos presentes, os projetos de lei (PLs) 22 e 23, ambos referentes...

Leia Mais

Vereadores discutem meio ambiente na Aspacer

26 de abril de 2019

O meio ambiente é preocupação constante dos legisladores e, para discutir o tema e ter ciência das ações em andamento e dos projetos para diminuir os índices de poluição, os vereadores Willian José...

Leia Mais

 

Copyright 2019 Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por: Sino Informática.