Notícias



Melhoria em bairros e iluminação são assuntos mais debatidos

Visualize fotos

A Câmara Municipal de Santa Gertrudes realizou na noite de terça-feira, 27 de fevereiro, a 3ª sessão ordinária do ano, presidida pelo vereador Marcelo Ferreira (Dr. Marcelo-PSD). Dentre as matérias do expediente, foi aprovado requerimento do vereador Reginaldo Pereira da Silva (Totó-PSC), solicitando ao Executivo o valor do repasse do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) pela concessionária Centrovias, e sugeriu que a verba seja investida na compra de medicamentos e de veículos para a Guarda Civil.

Dr. Marcelo comentou os números apresentados durante audiência pública da Secretária de Saúde, referentes ao último quadrimestre de 2017. Foram quase 50 mil atendimentos em quatro meses, cerca de 11 mil consultas no pronto socorro, mais de 11 mil exames laboratoriais, mais de 60 tomografias, 29 ressonâncias, quase 60 cirurgias de hérnia e vesícula, entre vários dados. “Os serviços estão sendo realizados, não no ritmo que queríamos, mas se analisarmos que o ano passado foi bastante difícil devido ao momento econômico, tem tido frutos, só falta um pouco mais de injeção financeira”. O vereador Washington Luiz Pereira (Washington dos vasos-PSDB) agradeceu à Secretaria de Saúde pelo envio dos dados solicitados por ele.

Com objetivo de melhorar o fluxo e evitar acidentes, o Presidente enviou ofício à Centrovias, solicitando estudos e uma “possível” inversão na indicação de parada obrigatória no trevo Viaduto “Claro Miranda”. De acordo com o documento, “a maioria das cerâmicas ficam paralelas à Rodovia Washington Luís, onde há um número muito grande de caminhões pesados circulando e, como os veículos que saem pela Estrada Municipal “Horácio Pascon” estão carregados, a placa de pare ali existente dificulta o acesso ao referido trevo à Rodovia”.

Dentre as indicações apresentadas, Alexandro Souza Vieira (Alexandro do Iporanga-PSC), solicitou construção de canaletas na Avenida H. Bedra com Rua São Marcos e na Rua São Marcos com a Avenida Dona Maria de Jesus de Castro Rodrigues. Willian José Bento-PTB, pediu um Plano de Desligamento Voluntário (PDV) e corte de mato no Jardim D’Itália II.

Limpeza, corte de mato, lâmpadas queimadas, remédios, asfalto e preço da água são temas que voltaram a ser cobrados. Totó destacou a necessidade de reforma no prédio do Pronto Socorro: “a sala dos médicos está com goteiras, quando chove fica tudo molhado”, cobrou segurança no local e a troca do marmitex oferecido às enfermeiras por vale alimentação. Ainda falando sobre Saúde, Reginaldo relatou que estão cobrando dele a compra de “bombinhas” para portadores de asma e bronquite: “não é função do vereador comprar remédios e eles não podem ficar sem, com saúde não se brinca”, desabafou. Ele quer saber o porquê os ônibus contratados para transportar alunos para outras cidades “estão fazendo serviços em Santa Gertrudes?”; e sugeriu a privatização da piscina “Liana Mungai” para que seja reformada e entregue à população.

 “Precisa contratar uma empresa séria e devolver o espaço de lazer a comunidade”, disse José Luis Vieira (Ratinho-PMDB), sobre a piscina. Cumprindo o que prometeu, cobrar em todas as sessões até que os problemas sejam resolvidos, Ratinho pediu a reforma do campo de bocha “Cyro Rocha”, solução para o Santa Catarina, a troca das lâmpadas queimadas, implantação do projeto Cinturão Verde e galeria de águas pluviais na Rua Piracicaba. Alexandro comentou que a Prefeitura tem projeto para executar a galeria e verba de emenda parlamentar com contrapartida do Município. José Luis ainda denunciou que estão despejando entulhos em frente a Prefeitura: “as pessoas precisam se conscientizar e não jogar entulhos e lixo nas ruas”, afirmou.

Ratinho, Isaias Lino do Couto (PSC), Antonio Carlos Candido (Gordinho-PTB) e Willian enfatizaram a necessidade de refazer o asfalto no Jardim D’Itália. Os vereadores afirmaram que está impossível transitar pelas ruas, um transtorno, principalmente para quem leva as crianças na creche do Bairro. Willian lembrou que, com a inauguração da sede do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cerâmica, nas proximidades, o trânsito será ainda mais intenso.

“A limpeza pública está uma vergonha, tem que fazer um mutirão para acabar com o entulho e lixo jogados; têm sofás, colchões, geladeira, tudo nas ruas”, afirmou Gordinho, denunciando que estão usando o espaço da Estação Ferroviária como depósito de lixo. “Tem que encontrar um local adequado, quem mora nas proximidades está no meio da sujeira”. Dr. Marcelo concordou, avaliando que encontrar um local para depositar o lixo é um grande problema; “o espaço da Estação precisa ser limpo e urbanizado”, enfatizou.

O vice-presidente, Antonio Carlos, também cobrou solução para a falta de remédios e lembrou a sugestão de Ratinho, de uma farmácia de manipulação. O Presidente ratificou que é uma opção, mas que muitos médicos não receitam manipulados e explicou: “o problema é gerado por empresas que, durante licitação, abaixam os preços, vencem a concorrência, mas depois não entregam os pedidos. Falta honestidade!”. Alexandro também questionou a falta de insulina (Lantus e Galvos), e disse que o departamento Jurídico da Prefeitura tem que tomar providências contra as empresas que não cumprem o contrato.

Gordinho e Willian Bento pediram reforma no telhado da sala de ginástica olímpica que está com goteiras, a troca dos aparelhos e dos colchões utilizados nos treinos. Candido afirmou que irá pressionar para solucionar o problema dos moradores do Santa Catarina e do Jardim D’Itália, e disse que é preciso fazer um asfalto que comporte o tráfego de caminhões: “nossa Cidade tem essa peculiaridade, os caminhões têm que chegar até as empresas, enquanto não tiver um anel viário, tem que ter asfalto que comporte o peso”.

Respondendo aos pais que questionaram sobre os livros didáticos, Alexandro do Iporanga explicou: “a licitação está sendo conduzida e em breve o material chega às escolas”. Ele afirmou que também “abraçou a causa” dos moradores do Santa Catarina e está em busca de recursos para construção de uma via marginal, e dr. Marcelo disse que uma marginal para tirar o trânsito pesado do Bairro é um sonho que ele quer ver realizado: “com a marginal desviando o trânsito, na Conde Guilherme Prates dá pra fazer um calçadão e uma praça de alimentação; uma área de lazer”.

Willian José Bento-PTB abordou o aumento do preço da água. “Recebi reclamações sobre aumento na conta de água, muito acima dos valores pagos normalmente pelos moradores; sugiro formar uma comissão de vereadores para avaliarmos a situação e pediu explicações à BRK”. O primeiro Secretário parabenizou os organizadores e participantes do campeonato de futsal feminino, disputado no domingo, 25, e cobrou a troca de lâmpadas do Ginásio de Esportes.

Os vereadores que foram a tribuna parabenizaram o Prefeito pela volta da faculdade municipal, relatando que, após oito anos, os estudantes terão oportunidade de fazer um curso superior, gratuito. Inicialmente, são 100 vagas e cursos a distância.

A próxima sessão ordinária será dia 6 de março. As sessões acontecem no Plenário “Íria Hansen”, na sede da Câmara, localizada na Rua São Pedro, 400, Jardim Luciana, e são abertas à população. Os trabalhos são transmitidos ao vivo pela internet, TV Claret - canal 45, e pela Rádio Excelsior Jovem Pan News 1410,0 AM, das 19 às 20h30.

Silvia Araujo – MTB. 16.659

Assessoria de Imprensa

Câmara de Vereadores de Santa Gertrudes




Publicado em: 02 de março de 2018

Publicado por: Silvia Araujo

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Fique por dentro

Outras Notícias

Lago “Chico Lucas” é elogiado durante sessão

22 de novembro de 2018

Os vereadores participaram da inauguração do Lago “Chico Lucas”, que aconteceu no dia 15 de novembro e, durante a sessão ordinária desta semana, realizada no dia 20, teceram elogios ao Prefeito e d...

Leia Mais

Refis: vereadores sugerem vantagens para os bons pagadores

20 de novembro de 2018

A sessão ordinária desta semana, a 26ª do ano, foi marcada por cobranças antigas: medidas para conter a poluição, asfaltamento e fim dos buracos no Santa Catarina e demais bairros, e na estrada “Jo...

Leia Mais

Professora vai à tribuna e pede cumprimento da Lei

20 de novembro de 2018

A redução da jornada de trabalho dos professores foi tema abordado por Renata Ribeiro, professora da Creche “Padre Quirino Volani”, na tribuna da Câmara, no dia 13 de novembro. A Professora alerta...

Leia Mais

Unesp instala equipamento para monitorar o ar

12 de novembro de 2018

Equipe da Unesp (Universidade Estadual Paulista), em parceria com a Prefeitura, colocou um aparelho de monitoramento do ar em Santa Gertrudes, que foi afixado em cima do prédio da Policlínica. O ap...

Leia Mais

Refis dá entrada na Câmara

09 de novembro de 2018

Dois projetos de lei (PLs) deram entrada durante a 25ª sessão ordinária, realizada dia 6 de novembro. O PL 45, do Executivo, “institui o Programa de Recuperação Fiscal (Refis)”, que dá oportunidade...

Leia Mais

Isaias trabalha para tornar a Cidade acessível a todos

06 de novembro de 2018

A acessibilidade é definida como “o direito que garante à pessoa com deficiência ou com mobilidade reduzida viver de forma independente e exercer seus direitos de cidadania e de participação social...

Leia Mais

 

Copyright 2018 Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido por: Sino Informática.